Se existem 11 artes, por que não desfrutarmos de todas?

Inicialmente esta lista apenas consistia de 7 artes, criadas num manifesto por Ricciotto Canudo em 1911, mas ao longo dos anos as coisas foram evoluindo e a lista foi aumentando, contendo atualmente 11 artes.

1ª arte: Música.

2ª arte: Dança/Coreografia.

3ª arte: Pintura.

4ª arte: Escultura.

5ª arte: Teatro.

6ª arte: Literatura.

7ª arte: Cinema.

8ª arte: Fotografia.

9ª arte: Arte Sequencial (BD).

10ª arte: Jogos de Computador e de Video.

11ª arte: Arte Digital.

Este blog foi criado para anunciar e divulgar a arte em todos os seus aspectos.

Sejam bem-vindos !

Chennai Express

Loading...

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Om Shanti Om, Só vendo mesmo...


 Capa e Cartaz do filme Om Shanti Om

Este é mais um dos filmes de Bollywood que eu assisti e nunca mais me esquecerei dele. Primeiro porque é um filme delicioso, daqueles que você ri e nem lembra quando riu de uma coisa tão engraçada e gostosa de se ver como Om Shanti Om! Segundo porque, em Bollywood, tudo pode acontecer e a sensibilidade é sempre explosiva e terceiro... Meucéu, dá uma olhada em SRK nesse filme!
Tudo começa na década de 70 e logo se percebe pelo figurino de golas de camisas e barras de calças enormes. Om Prakash tenta seguir uma carreira de ator conhecida como Artista Júnior, isso quando se apaixona pela grande estrela das telas Shanti Pryia e as coisas mudam quando Om tenta em vão salvar a vida de sua amada pela segunda vez, morrendo  ambos... Bem fim da história isso é tudo que posso contar ok?
Calma, calma, tudo bem... não acaba aí não, pelo contrário é então que tudo começa. Om encarna em Om Kapoor, um ator talentoso e lindooooo, mas isso depois de acontecer tudo aquilo que levou Shanti e om á morte, que não pretendo contar em detalhes!
cada coisa em seu devido lugar e se eu contar não tem  a menor graça então, vai lá para o Youtube Movie e digita o nome do filme e surpreenda-se com ele, o final é surpreendente!. 
Então é isso, fico me coçando de vontade contar tudinho então vou dizer só mais uam coisa... Sonhos, Amor, Coragem, vingança, Destino...tudo traçado lado á lado nesse filme de 2007, com Shahrukh Khan (aimeucéu!), e grande, grande elenco mesmo...não se pode perder!
Mais detalhes/
http://filmow.com/om-shanti-om-t11415/ 
  http://www.youtube.com/watch?v=83m1Mm8F8CU&feature=watch-now-button&wide=1
                     

Om Shanti Om - Theatrical Trailer

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Eu quero ler John Boyne

Terminei á alguns dias de ler mais um livro de John Boyne, que para mim é um ícone de perfeição.
Os livros dele, não são apenas histórias. São partes alicerçadas em acontecimentos memoráveis de vidas que interferiram na história, aliados á uma ficção estratégica, onde não se sabe onde termina uma e começa outra. Assim se faz a emoção, ação e o mistério dos livros de Boyne.
O Menino do pijama listrado foi o primeiro que tive a coragem de ler, vindo das mãos e consciência de Boyne e o segundo é este que venho mostrar á todos; O Palácio de Inverno.
São 456 páginas de pura ação e perfeição, indo do presente ao passado num passe de mágica, Direto e comovente. Boyne acompanha a família Romanov de uma maneira inimaginável.
Poderá uma família desaparecer da gloria em meio á Segunda guerra Mundial e partir para o anonimato? Quem eram? Onde estavam? O que aconteceu? E onde um jovem chamado Geórgue cuja coragem ou medo o fez desfiar a morte tem a ver com essa história no meio da Revolução Bolchevique?
É um livro de detalhes que traz as emoções á flor da pele, quando você se percebe em meio á vida do Czar Nicolau II e a reviravolta em que a história vai se definindo.
Lembre-se, ler um livro de John Boyne é sempre muito agradável, emocionante e principalmente é uma viagem com os pés na história real e notoriamente sensacional.
Bem ainda me falta conferir O Garoto no convés e para isso tenho que tomar fôlego porque vem mais emoção por aí. Com certeza!

O Palácio de Inverno

     

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Jordin Sparks / Chris Brown - No Air (Boyce Avenue piano acoustic cover)...

No Air por Boyce Avenue...na voz dele tudo fica bom!


If I should die before I wake
It's 'cause you took my breath away
Losing you is like living in a world with no air
Oh..

I'm here alone
Didn't want to leave
My heart won't move, it's incomplete
Wish there was a way that I can make you understand

But how do you expect me
To live alone with just me
'Cause my world revolves around you
It's so hard for me to breathe

[CHORUS:]
Tell me how I'm supposed to breathe with no air
Can't live, can't breathe with no air
That's how I feel whenever you ain't there
It's no air, no air
Got me out here in the water, so deep
Tell me how you gon' be without me
If you ain't here, I just can't breathe
It's no air, no air

No air, air
Ohh..
No air, air
No..
No air, air
Oh..
No air, air

I walked, I ran
I jumped, I flew
Right off the ground to float to you
There's no gravity to hold me down
For real

But somehow I'm still alive inside
You took my breath, but I survived
I don't know how
But I don't even care

So how do you expect me
To live alone with just me
'Cause my world revolves around you
It's so hard for me to breathe

[CHORUS:]
Tell me how I'm supposed to breathe with no air
Can't live, can't breathe with no air
That's how I feel whenever you ain't there
It's no air, no air
Got me out here in the water, so deep
Tell me how you gon' be without me
If you ain't here, I just can't breathe
It's no air, no air

No air, air
Ohh..
No air, air
Ohh..
No air, air
No, oh..
No air, air
No more

It's no air, no air
Ohh..

[CHORUS:]
Tell me how I'm supposed to breathe with no air
Can't live, can't breathe with no air
That's how I feel whenever you ain't there
It's no air, no air
Got me out here in the water, so deep
Tell me how you gon' be without me
If you ain't here, I just can't breathe
It's no air, no air

[CHORUS:]
Tell me how I'm supposed to breathe with no air
Can't live, can't breathe with no air
That's how I feel whenever you ain't there
It's no air, no air
Got me out here in the water, so deep
Tell me how you gon' be without me
If you ain't here, I just can't breathe
It's no air, no air

No air, air
Ohh..
No air, air
Ohh..
No air, airSe eu devo morrer antes de eu acordar

Isso vai ser porque você levou minha respiração embora
Estar perdendo você é como estar vivendo em um mundo sem ar
Oh...

Eu estou aqui sozinho
Não quero partir
Meu coração não se move, está incompleto
Desejo que haja um jeito para que eu possa fazer você entender

Mas como você me espera
Para viver sozinha apenas comigo mesma?
Porque meu mundo rebela-se ao seu redor
É tão difícil para eu respirar

Me diga como eu deveria respirar sem ar
Não posso viver, não posso respirar sem ar
É assim como eu me sinto seja quando for, quando você não está aqui
É sem ar, sem ar
Devo me atirar daqui na agua, tão profundo
Me diga, como você vai ser sem mim?
Se você não está aqui, eu apenas não posso respirar
Estou sem ar, sem ar...

Sem ar, ar
Ohh..
Sem ar, ar
Sem...
Ser ar, ar
Oh..
Sem ar, ar

Eu caminho, eu fujo
Eu pulo, eu voô
Logo fico longe do chão, flutuando até você
Não há gravidade para me segurar para baixo
Para ser real

Mas de alguma maneira eu ainda estou viva por dentro
Você levou minha respiração, mas eu sobrevivi
Eu não sei como
Mas eu nem me importo

Mas como você me espera
Para viver sozinha apenas comigo mesma?
Porque meu mundo rebela-se ao seu redor
É tão difícil para eu respirar

Me diga como eu deveria respirar sem ar
Não posso viver, não posso respirar sem ar
É assim como eu me sinto seja quando for, quando você não está aqui
Estou sem ar, sem ar
Devo me atirar daqui na agua, tão profundo
Me diga, como você vai ser sem mim?
Se você não está aqui, eu apenas não posso respirar
Éstou sem ar, sem ar...

Sem ar, ar
Ohh..
Sem ar, ar
Sem...
Ser ar, ar
Oh..
Não mais...

É sem ar, sem ar...
Ooh!

Me diga como eu deveria respirar sem ar
Não posso viver, não posso respirar sem ar
É assim como eu me sinto seja quando for, quando você não está aqui
É sem ar, sem ar
Devo me atirar daqui na agua, bem lá no fundo
Me diga, como você vai ser sem mim?
Se você não está aqui, eu apenas não posso respirar
É sem ar, sem ar...

Sem ar, ar
Ohh..
Sem ar, ar
Sem...
Ser ar, ar
Oh..
Sem ar, ar

No air, ohh



quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Kabhi Alvida Naa Kehna

Para quem já assistiu á esse filme inesquecível estou passando para deixar um gostinho de quero mais e quem não assistiu, não pode ficar mais um dia sem assisti-lo!
A trama é excepcional para um filme indiano, mas não deixa de ser muito romântico, engraçado, emocionante e triste.Dev ( Shahrukh khan) era um feliz jogador de futebol ao lado de sua esposa Rhea ( Preity Zinta) e seu pequeno Arjun ( que é tão fofinho), tudo estava perfeitamente bem quando Rhea  alcança o sucesso no campo profissional e Dev, sofre um acidente sem poder mais jogar e tudo começa á se transformar, assim aparece Maya ( Rani Mukheriee ) na vida do casal, uma jovem com um casamento fracassado embora o marido faça de tudo por ela, acaba não resistindo aos encantos do mal humorado, mas charmosíssimo Dev. É como dizem,  o amor não escolhe hora nem quem, apenas dá o ar da graça .
Entre muitas emoções dá uma olhadinha em minhas cenas preferidas, que elas falam por si só!
Eu sei que filmes de Bollywood é difícil de achar para assistir, o que é uma pena, mas se depender de mim, quem quiser assistir Kabhi Alvida Naa Kehna ( Nunca Diga Adeus) em episódios ( que foi o que consegui traduzido)  vai o link
http://www.youtube.com/watch?v=r704xm9NY74 é ótimo, pode confiar!


Capa e Cartaz do filme Nunca Diga Adeus - Kabhi Alvida Naa Kehna

Kabhi Alvida Na Kehna (2006) w/ Eng Sub - DVD - 17/17

Kabhi Alvida Na Kehna (2006) w/ Eng Sub - DVD - 12/17

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Emocionante ...Kal Ho naa Ho

Assisti á um filme que descrevo como o mais altruísta, doce, sensível, emocionante e lindo que já havia assistido.
Infelizmente não é um filme comum que pode ser visto na sessão da tarde todos os dias.
É uma raridade um filme tão lindo assim! Trata-se do filme indiano Kal Ho Naa Ho, não sei se o título tem uma tradução em português, até procurei mas não encontrei.
O filme começa com uma família meio perdida entre o suicídio do patriarca e as complicações causadas por ele, deixadas como herança que gera um transtorno na família até ela ser abençoada com a presença de Aman, que com seu jeito irreverente vai se adentrando. Ele trás consigo um sonho de pelo uma vez sentir um amor no peito, que é realizado quando conhece Naina, que estava transtornada em sua trágica família. Não quero entrar em detalhes porque vou acabar contando toda a história e com certeza chorando de montão, só de lembrar.
O altruísta Aman ( representado pelo o talentoso Shahrukh khan) acaba interferindo na história de Naina e dessa família de maneira nunca imaginada que um filme pudesse conseguir expressar.
Kal Ho Naa Ho, pode parecer um nome engraçado, estranho, não importa, a história é muito linda quem já assistiu teme em rever outra vez por que o coração parece ficar numa palpitação urgente, como se vivesse cada fase deste emocionante conto, que estou louca para contar cada parte em detalhe, mas, não posso, prefiro que vocês vejam e depois voltem aqui para comentar, ok?.
Quem não assistiu, aqui vai o link ,http://www.youtube.com/watch?v=Ea86UvL9Htg  mesmo em 18 capítulos de 10 minutos cada, vale o esforço, eu garanto. As lágrimas não deixaram por menos cada episódio!

                                           

KAL HO NA HO - FULL MOVIE - PART 3 / 18