Se existem 11 artes, por que não desfrutarmos de todas?

Inicialmente esta lista apenas consistia de 7 artes, criadas num manifesto por Ricciotto Canudo em 1911, mas ao longo dos anos as coisas foram evoluindo e a lista foi aumentando, contendo atualmente 11 artes.

1ª arte: Música.

2ª arte: Dança/Coreografia.

3ª arte: Pintura.

4ª arte: Escultura.

5ª arte: Teatro.

6ª arte: Literatura.

7ª arte: Cinema.

8ª arte: Fotografia.

9ª arte: Arte Sequencial (BD).

10ª arte: Jogos de Computador e de Video.

11ª arte: Arte Digital.

Este blog foi criado para anunciar e divulgar a arte em todos os seus aspectos.

Sejam bem-vindos !

Chennai Express

Loading...

terça-feira, 26 de abril de 2011

Adoro livros em séries




 Ler livros em série é sempre muito bom, desde que os livros estejam disponíveis para evitar  a ansiedade.
  Entre muitas séries que já li, A Mediadora é uma das que eu mais gostei.
  São seis livros, da autora Meg cabot, que geralmente não fica devendo nada á ninguém quando o quesito é fantasia, ficção e muito romance sobrenatural.
  No primeiro livro da série A Terra das sombras eu conheci a nada convencional Suzannah. Uma adolescente, que acabara de mudar para quente e agitada  Califórnia, caindo de páraquedas numa praia chamada Carmel, ganhando de cara não um, mas três irmãos os quais ela carinhosamente apelidara de Dunga, Mestre e Soneca, um novo pai ( o seu pai falecera á mais de dez anos), um quarto só seu numa casa histórica de mais de um século, e de brinde que tinha um gato e um fantasma latino chamado Jesse alojados por tempo indetermindo nele.
  Suzannah tem um dom. É uma Mediadora e cabe á ela encaminhar os espíritos, que acabam de deixar seus corpos, para o além, seja lá onde isso for...por bem ou por mal, eles acabam indo.
  Em Arcano Nove, o segundo livro da série, Suzannah vai estar ás voltas da maior paixão de sua vida, mesmo que ela, Jesse, tendo 150 anos.
  Entre um trabalho e outro, em Reunião, o terceiro livro da série, Suzannah ganha um forte aliado, o padre Dom, que fica surpreso com as habilidades da moça e com seu "jeitinho" de realizar suas missões.
  Hora mais sombria, quarto livro, aparece Paul para complicar o romance e tudo mais. Dá para perceber que até os nomes dos próximos livros vão fazer efeito, principalmente do quinto livro da série, Assombrado que literalmente pôe fogo na história. È o clímax começando e deixando qualquer leitor de cabelo em pé, até que Crépúsculo chega, ainda apavorantemente aventureiro e aumenta a tensão.Todos os livros têm seu próprio clímax, mas o da história em si...só lendo mesmo para vocês entenderem e eu é que não vou contar...afinal estou aqui para aguçar a curiosidade não satisfazê-la! Horas essa!
Se é um livro de Meg cabot, recomendo.
Se é uma séire de Meg Cabot...corre atrás por que não é sempre que sobra alguma!( by Mundodesissy)

Nenhum comentário:

Postar um comentário